Portugal, sistema financeiro

Em Portugal temos o Ministério da Economia e depois o das Finanças, o Banco de Portugal e a Comissão de mercado de valores mobiliários (CMVM) e a Banca e as empresas que operam no nosso país.

Os ministérios ditam a política económica, como controlar o crescimento económico do PIB, controlar a inflação (variação dos preços), aumentar ou diminuir o rendimento das famílias, controlar as exportações e importações, também seguem as directrizes da União Europeia para injectar ou diminuir dinheiro na nossa Economia. Também têm em conta a diminuição da Dívida Pública, o endividamento das empresas e famílias.

O Banco de Portugal é o chefe dos bancos e segue as ordens dos ministérios, controla as crises dos bancos como aconteceu com o BES/Novo Banco ou Banif ou outros. De acordo com as políticas económicas do Governo controla o sistema financeiro português.

A CMVM controla os valores mobiliários: acções, títulos, quem investe na bolsa de valores sabe bem o seu papel: tenta criar confiança nos investidores para aplicar uma parte do seu dinheiro na bolsa.

A Banca ainda é a fonte de captação de poupança e de empréstimos mais importante, seja depósitos ou crédito, as pessoas estão habituadas a gerirem seu dinheiro com os bancos.

As empresas podem emitir obrigações para se financiarem ou recorrer a empréstimos juntam dos bancos, por vezes a UE e governo criam dinheiro para as suas necessidades. Também são uma fonte de salários para os seus empregados, que lhes permite suprir as suas necessidades de rendimentos em dinheiro.
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=W-yvLJuw_Io&w=560&h=315]
 

antoniopereira

leave a comment

Create Account



Log In Your Account